Fisioterapia

///Lesões em Esportes de Neve
Lesões em Esportes de Neve 2018-02-07T16:02:42+00:00
Prevenção de lesões em esportes de neve

Quando chegam as temporadas de inverno, as mais diversas estações de esqui espalhadas pelo mundo são visitadas por brasileiros em busca de esportes de neve como o esqui, snowboard e cross-country. Por isso, o Instituto Cohen investe nos setores de Ortopedia, Reabilitação e Medicina do para ajudarem na prevenção de lesões provenientes de esportes na neve, com orientações relacionadas aos cuidados a serem tomados durante a prática, além de ensinar exercícios de prevenção.

O Instituto Cohen conta com uma equipe especializada de ortopedistas de todos os segmentos do corpo, fisioterapeutas altamente capacitados para o tratamento das mais diversas afecções ortopédicas e preparada para a melhor estratégia de prevenção para cada cliente. O Instituto, situado em frente ao Jóckey Club de São Paulo, oferece serviços como consultas ortopédicas, Raio-X digital, primeiros socorros, avaliação e tratamento fisioterepêutico, avaliação e treinamento sensório-motor (equilíbrio, coordenação, agilidade e gesto esportivo), treinamento funcional, laboratório de biomecânica para análise de gesto esportivo, posturologia por meio do teste da pisada e efeitos posturais da distribuição de carga, nutrição, mecanoterapia, hidroterapia e fisioterapia especializada.

Além disso, os setores de avaliação e de treinamento sensório-motor dispõem de um programa específico para prevenção de lesões em esportes na neve.  No local, praticantes realizam treinamentos funcionais específicos em equipamentos que reproduzem o gesto esportivo. Assim é possível manter as posições adequadas e a musculatura o mais reativa possível, afim de estabilizar as articulações envolvidas, prevenindo lesões.

O esqui, em particular, para além de ser uma prática desportiva lúdica, associa também uma excelente forma de exercício aeróbico, assim como de melhoria da agilidade e da coordenação motora. Por isso é muito praticado em todo o mundo, por todas as gerações e por todos os estratos sociais.

Uma grande parte dos amantes de esqui não mantêm um planejamento de atividade física que os preparem fisicamente, de modo conveniente, para poder dar resposta a uma atividade de enorme solicitação da coordenação neuromuscular.

Apesar desta modalidade ser bastante segura, uma maior solicitação da coordenação neuromuscular, assim como em condições pobres de neve nas pistas, passa a apresentar-se com um elevado risco potencial de lesões.

Muitas dessas lesões nos esportes de inverno podem, perfeitamente, serem prevenidas mediante uma condição física adequada, um uso conveniente das pistas e do material esportivo e também do bom senso dos praticantes.

Causas mais frequentes das lesões do esqui

A maior parte das lesões no esqui são de natureza traumática, resultantes de quedas ou de contato com obstáculos ou outros praticantes.

Dentro de uma maior prevalência das causas que dão origem às lesões, estão:
• O excessivo tempo de permanência nas pistas sem adequado descanso;
• O uso de equipamento inadequado ou de modo incorreto;
• A falta de adaptação à altitude e, consequentemente, fadiga;
• A falta de conhecimento ou o uso de técnica errada;
• Ultrapassar os limites do nível de desempenho e de capacidade técnica;
• Prática fora das pistas regulares ou que seja adequada ao seu nível de peformance;
• Desrespeito pelas normas de conduta na montanha;
• O desconhecimento das facilidades que a montanha oferece como elevadores/teleféricos.

NOSSOS CANAIS DE COMUNICAÇÃO COM VOCÊ!